Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Nenúfar

"Todos elogiam o sonho, que é o descansar da vida. Mas é o contrário, Doutor. A gente precisa do viver para descansar dos sonhos"

Nenúfar

"Todos elogiam o sonho, que é o descansar da vida. Mas é o contrário, Doutor. A gente precisa do viver para descansar dos sonhos"

...

08.12.19, Nenúfar

 

Há dias em que dói. E não sabemos porquê. Nem sempre sabemos as causas da dor. Ou não queremos pensar nelas.
Sentimos o nosso coração apertado. Um nó na garganta. Lágrimas nos olhos.
Abanamos a cabeça, tentamos afastar a dor, mas ela abraça-se a nós. Entranha-se em nós, como se fosse parte intrínseca do nosso ser.
E é. A dor faz parte de nós, como qualquer outro sentimento.
Às vezes, temos que deixar que a dor nos abrace. Temos que nos permitir a senti-la. Por mais que custe. Por mais triste ou sufocante que seja.
Não conseguimos evitar, por muito que queiramos. Não podemos saltar esta parte do processo. Deixar uma página por escrever no diário da nossa vida. Por mais que custe. Por mais que doa.
A dor ensina-nos. A dor ajuda-nos a crescer. Protege-nos para evitarmos que doa no futuro. Cria um sinal de alerta em nós.
E por mais que doa, por muito que doa, a dor cura.
Aprendemos sempre de duas formas: através do amor ou através da dor.
E não entendemos que muitas vezes as duas estão ligadas.
Não fujo da dor. É um sentimento meu, que me permito senti-lo.
Sei que nada é tão mau quanto parece. E que no final, vou sobreviver. Como sempre fiz.
Ainda que, em muitos momentos, sozinha.
Os outros, podem estar lá para me ajudar, quando estão. Mas ninguém pode sentir por mim ou sequer dizer-me como me devo sentir.

Miss Paty